A CUT contra os interesses do Estadão. Resposta da Central ao editorial de domingo

O editorial do jornal O Estado de S. Paulo de domingo, dia 31, (A CUT contra o resto) tem inúmeros equívocos. Por desinformação ou má fé, com seu típico ranço coronelialista do século passado, o Estadão, que se proclama democrático e reclama contra a censura, não aprova a participação dos trabalhadores nas discussões sobre as políticas públicas em elaboração dentro do governo.

Para o jornal, os dirigentes cutistas não têm qualificação para exigir alterações em projetos do governo para garantir os direitos dos trabalhadores. É claro que o Estadão ataca de forma mais contundente a CUT, a central mais atuante na defesa da classe trabalhadora. Ataca e não dá à central o direito de resposta – pedido que fizemos antes de publicar este texto, sem sermos atendidos. Essa é a liberdade de expressão que o jornal quer.

Os donos do Estadão não sabem que a defesa de direitos se dá na prática democrática das discussões. A CUT nunca argumentou contra a participação de qualquer outro setor nesta discussão, mas é vítima deste preconceito que ainda hoje persiste como, lamentavelmente, o editorial do jornal escancarou. Eles revelam em seu editorial um país atrasado, retrógrado, que é contra os avanços, a democracia, é contra o desenvolvimento econômico, é contra a distribuição de renda, é contra avanços democráticos, é contra para os trabalhadores.

A primeira frase do editorial fala em um suposto “acesso privilegiado” que a CUT teria tido no governo do presidente Lula. Ora, meus caros Mesquitas, uma mentira escrita várias vezes não se transforma em verdade.

A CUT nunca teve acesso privilegiado no Governo Lula. Até mesmo porque um Governo Democrático e Popular como o de Lula e o de Dilma sabe da importância de ter uma visão republicana, de Estado, com participação de todos os setores sociais. Aliás, a postura de Lula e Dilma é bem diferente da de FHC, PSDB e DEM, que não respeitavam o movimento sindical e ao invés de dialogar, como se espera de um governo democrático, colocavam a polícia para receber dirigentes sindicais em Brasília.

Namoros houve entre aquele governo e uma parcela do movimento sindical, só que para retirar direitos dos trabalhadores – coisa que a CUT e suas entidades filiadas não deixou acontecer, sem temer posicionar-se contra modismos e cantos de sereia neoliberais.

Quanto à afirmação de que a CUT quer participar de todas as decisões importantes do governo, é claro que é verdade. E não é só do Governo Federal. Ao contrário dos donos do Estadão, a CUT tem legitimidade, representatividade e quadros qualificados para discutir e propor alternativas que garantam os direitos dos trabalhadores em qualquer tipo de decisão importante que o governo esteja pensando em tomar. Isso vale para os Estados e Municípios também. Foi assim, desde o nosso nascimento, em 1983, quando participávamos da luta contra a ditadura, contra a carestia e por liberdades democráticas, enquanto alguns veículos de imprensa preferiam apoiar o golpe militar, as torturas etc.

Leia na íntegra a resposta_ao_estadao.

Anúncios

6 Comentários

Arquivado em Uncategorized

6 Respostas para “A CUT contra os interesses do Estadão. Resposta da Central ao editorial de domingo

  1. Eu mandei uma carta ( Abaixo transcrita ) e estou aguardando sua publicação e a volta do ET de Varginha ….

    Prezados Senhores :

    Discordo veementemente da matéria que V.Sas. veicularam nesta edição de domingo, tecendo comentários desairosos contra a CUT e ao seu Presidente atual, o Sr, Arthur Henrique da Silva. Já é sabido que V.Sas. tem um problema psicológico com o sobrenome Silva, mas afirmar em editorial ou similar que o Presidente da maior Central das Américas; em termos de representatividade de associados- não possui credenciais para debater temas de interesse nacional, é de uma pequenez intelectual que beira o limite da insensatez ! Me solidarizo com V.Sas. pelo absurdo veto e censura por parte do deputado Sarney Filho e a omissão criminosa do STF, mas convenhamos , seriedade não se acha em qualquer lugar, não é mesmo ? Honrem a vossa história de bons serviços prestados à democracia brasileira e não sejam parciais e facciosos !

    Francisco José de Souza Ribeiro ( Chicão Ribeiro)
    Rua Alagoas, 600 – Centro – São caetano do Sul – SP
    CEP : 09521-050
    RG nº 13.443.122-4 SSP/SP
    Tel.:(11) 4224-4431
    E-mail alternativo

  2. Célio Silva

    A CUT, parece-me, não está preocupada com os trabalhadores brasileiros. Na verdade, os seus “donos” estão cada vez mais se aproximando do poder, e, de forma alguma, pretendem largá-lo. A sua essência não mais subsiste, uma vez que, agora, é parte integrante do governo do ptzinho que iludiu muitos dos assalariados. Não se vê ou ouve qualquer verdadeiro ato da CUT em prol dos trabalhadores. Nas greves do judiciário federal, quando o presidente era FHC, a CUT mostrava seus dentes. Já quando do governo Lula, a central sumiu, juntamente com os deputados do ptzinho, Rands, Humberto, dentre outros. O ato mais insano da CUT, do seu ex-presidente, que agora manda e desmanda nos Correios, foi o corte de salários dos trabalhadores da EBCT que estão em greve. Cadê a mobilizaão da central em apoio aos companheiros (ex) dos correios? Acredito que a central está dando um tiro no próprio pé. Trabalhadores, está na hora de a gente se livrar de alguns males que tanto nos enganaram. Eles, a CUT, estão no poder, o que significa que os desejos deles já foram alcançados; nós….

    • Célio, também acho um erro os Correios falarem em cortar salários, em vez de abrir negociação e diálogo democrático. Um erro que eu condenei publicamente em mais de uma ocasião. Mas, meu amigo, vamos combinar: a CUT está fazendo essa greve, a CUT está na greve. Vcnão sabia?

    • Típico comentário de uma pessoa desinformada e “celibatária” da verdadeira democracia ! A CUT sempre foi ( E não é mais ) guarda – chuva de uma esquerdice covarde e que só olha para o próprio umbigo ! Vão mobilizar a suas idéias primeiro meus companheirinhos, que nunca foram demitidos numa greve ou apanharam da polícia, ou até melhor , bateram na mesma ! OK ?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s