Arquivo do mês: março 2012

Demóstenes é quem encomendou o vídeo que gerou a crise de 2005 e que tirou Zé Dirceu do governo Lula

Essa notícia vem do Conversa Afiada. Paulo Henrique Amorim entrevistou a ex-mulher do comparsa de Demóstenes que fez, a pedido do (quase ex-) senador do DEM.

Quando ainda não imaginavam, nem ele nem o ex-PFL, que já davam passos céleres rumo ao cadafalso, o partido e o Demóstenes se travestiam de guardiães da ética e da moral. Daqui de onde estou, para mim estava desde sempre claro que ambos nunca haviam passado de picaretas rematados, mas a imprensa dava a maior bola pra eles.

E a Veja, hein? Neste domingo, saiu com uma matéria sobre o Santo Sudário na capa e finge que o Demóstenes e o Carlinhos Cachoeira, que combinava pautas com a direção da revista, não têm nada a ver com eles.

Na semana passada, quem fez o papel de Santo Sudário foi a presidenta Dilma, que apareceu na capa e ajudou – inadvertidamente, acredito – a revista a tentar esconder o escândalo desmoralizante que se abateu sobre a publicação e toda a editora Abril – falo da empresa  e excetuo as pessoas boas que existem em outros títulos da Abril.

Bem, sem mais demoras, recomendo a leitura do texto do PHA. Clique aqui.

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Os trabalhadores não querem pagar pela crise e vão à luta. Espanhóis fazem greve geral

Alento para todos que, por vezes, se perguntam se os movimentos populares estariam sem saída frente aos ataques do capitalismo aos direitos dos trabalhadores:

Além deste video, leia o relato da agência Carta Maior sobre a extensão e a consistência da greve na Espanha:

Esquerda.net

As principais centrais sindicais espanholas, CCOO e UGT, disseram na manhã desta quinta-feira (29) que a adesão à Greve Geral está sendo massiva e irá mesmo ultrapassar os números atingidos em setembro. Entre os 14 milhões de trabalhadores assalariados, a adesão deverá rondar os 85% a 90%, segundo avançam estas estruturas sindicais.

Segundo divulga a UGT e as CC OO em comunicado conjunto, as fábricas de automóveis estão praticamente paradas e o setor dos transportes só cumpre os serviços mínimos. 26 portos da rede de Portos do Estado estão totalmente parados. No setor da aviação, 2300 voos poderão ser afetados pela paralisação e a empresa Transmediterránea prevê o cancelamento de atividades em 22 dos seus trajetos marítimos. Nas fábricas da Renault, SEAT en Martorell, Volkswagen Navarra, Ford Almusafes e Bosch Madrid, e Airbus en Toledo a adesão à greve é total.

Os grandes centros de abastecimento da Andaluzia, especialmente o Mercasevilla, o Mercabarna e o Mercavalencia, na Catalunha, e a plataforma logística de Mercadona em Leon fecharam as portas e os setores da alimentação e o setor químico registam níveis de adesão que rondam os 80 a 90%. O turno da noite da fábrica da Repsol em Puertollano parou por completo.

Leia o texto completo clicando aqui.

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Perigo real e imediato para os direitos dos trabalhadores: “núcleo sindical” do PSDB vem aí

Os jornais, esta semana, voltam ao tema da tentativa de aproximação dos tucanos com o movimento sindical. O partido deles montou o que já se chama “núcleo sindical” e seu coordenador, Antonio de Souza Ramalho (um dirigente que está há décadas no mesmo cargo em um sindicato de São Paulo) avisa que “está pronto para ajudar Serra”.

Vamos bater três vezes na madeira e começar a carregar alho próximo ao peito.

Serra, sempre pronto a vociferar contra o movimento sindical e a colocar polícia para tratar de conflitos trabalhistas, e o PSDB, artíficie do maior processo de desmonte dos direitos trabalhistas desde o início da redemocratização, vão fazer o quê, caso consigam maior inserção no mundo sindical?

Para responder a essa questão, basta recorrer a uma reportagem publicada no jornal Valor de ontem. Sob o título “PT e PMDB são os partidos que mais contrariam interesses da CNI” (Confederação Nacional da Indústria), o jornal divulga estudo feito pela entidade patronal que aponta que PSDB e DEM são as bancadas no Congresso que mais apresentam e apoiam projetos de interesse dos empresários.

Pra falar a verdade, os dados não são novidade alguma para os brasileiros, muito menos para o movimento sindical combativo, que defende, de fato, a classe trabalhadora.

O que chama  a atenção é que a informação foi divulgada pelos próprios parceiros dos tucanos e dos democratas como um fato positivo.

Quer dizer que apoiar projetos que vão contra o interesse dos trabalhadores como o 4330 do empresário Sandro Mabel, piorado pelo relator, Roberto Santiago, é positivo para o tucanato?

Se é, então o que fará o núcleo sindical deles?

p.s.: vale lembrar que essa investida tucana começou por Minas, onde a maioria dos 250 sindicalistas a se filiar ao PSDB são de outra central sindical, a mesma que estreou com o slogan “sindicalismo de resultados” e que em 2001 apoiava a tentativa de FHC de derrubar a CLT – e que foi enfrentada por mais de um milhão de cutistas em mobilização de rua pelo Brasil.

1 comentário

Arquivado em Uncategorized

Fernando Haddad começa muito bem. Escolha de auxiliares é ótima

Li nos jornais de hoje que Haddad, o melhor candidato a prefeito de São Paulo, escolheu o ex-ministro Nelson Machado e o economista Amir Khair para traçar o plano de governo na área de economia e desenvolvimento.

Machado tem ao menos um feito fantástico em seu currículo: enquanto ministro da Previdência, provou por a mais b que a Previdência, observada pelo preceito constritucional e com rigor contábil, não tem déficit nenhum. NENHUM.

No dia em que ele fez esse anúncio, na presença de vários jornalistas e munido de minuciosos gráficos, os repórteres presentes não deram atenção ao fato e preferiram divulgar uma piada tola sobre doação de viagra a aposentados dita por um sindicalista bastante conhecido.

Amir Khair, brilhante professor e intelectual de fibra, vem se batendo há anos contra a política de juros altos para rolagem da dívida pública.

 

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Angeli homenageia Millôr.

Publicada na Folha de hoje

 

Recomendo também a leitura de texto de Janio de Freitas a respeito de Millôr, publicado na mesma edição do jornal. Clique aqui.

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Lula anuncia sua volta à luta política e, ao agradecer Dilma, fortalece-a ainda mais

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

CUT vai ajudar Secretaria Nacional de Direitos Humanos a resgatar arquivos para Comissão da Verdade

A CUT vai intensificar sua participação no esforço por resgatar a história da luta dos trabalhadores no período da ditadura militar, com o objetivo de impulsionar a instalação da Comissão da Verdade.

Na tarde desta terça, dia 27, o coordenador do projeto Direito à Memória e à Verdade da Secretaria Nacional de Direitos Humanos, Gilney Vianna, esteve reunido com dirigentes da Central para dar início a um trabalho conjunto para resgatar a memória daqueles que, no movimento sindical, foram perseguidos pela ditadura iniciada em 1964.

A CUT vai orientar seus sindicatos a organizar e revelar seus arquivos do período, como forma de ajudar a Secretaria Nacional a consolidar a documentação que vai subsidiar não apenas os trabalhos da Comissão da Verdade, mas ajudar a retratar o período para as futuras gerações.

Quintino, eu, Gilney e Solaney, hoje, na sede da CUT. Foto de Roberto Parizotti

Esse engajamento, já retratado numa resolução do texto-base do próximo Congresso Nacional da CUT, vai se intensificar durante a realização dos Congressos Estaduais e será levada adiante até o término dos trabalhos da Comissão da Verdade. A Comissão deve durar dois anos a partir de sua instalação, e o prazo pode ser prorrogado.

Esse resgate histórico também fará parte do projeto CUT 30 Anos e envolverá diversas secretarias, que incluirão o tema em suas atividades.

Gilney Vianna foi recebido pelo presidente da CUT, Artur Henrique, pelo secretário de Políticas Sociais, Expedito Solaney, que também é candidato a integrar a Comissão da Verdade, e pelo secretário geral Quintino Severo.

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized