Banco Santander é condenado pela Justiça a pagar multa para sindicato por ter tentado reprimir movimento grevista

O direito de paralisação dos bancários e sua forte mobilização derrotaram o poder arbitrário do Santander na greve de 2011 em Criciúma.

Em uma sentença inédita, a Justiça do Trabalho julgou improcedente a ação de interdito proibitório protocolado pelo banco Santander na greve de outubro de 2011 e condenou o pagamento de multa de R$ 5 mil ao Sindicato dos Bancários de Criciúma. Na fundamentação do Juiz Elton de Salles Filho, o banco agiu de “má fé” e alteração da verdade dos fatos que não existiram, pois o banco havia usado imagens e informações de outro banco para justificar a ação.

Nesse sentido, considerou que não houve abusos cometidos pelo Sindicato, reconhecendo que a entidade sindical estava no seu pleno direito legal do exercício de greve. Entendeu ainda que o banco infringiu a Legislação, alegando situações que não aconteceram no processo. “A partir da diligência na agência, o oficial de justiça constatou não haver qualquer infringência à Lei de greve”, explica Iremar Gava, assessor jurídico do Sindicato.

A decisão favorável foi proferida no final de 2011, mas o anúncio formal foi feito nesta terça, 6 de março.

A multa de R$ 5 mil é certamente pequena para o banco espanhol e seus lucros recordes. Porém, politicamente, é uma vitória e tanto para o movimento sindical, que ao longo dos últimos anos vinha sendo constrangido por interditos proibitórios dados pela Justiça a favor dos patrões.

Interdito proibitório é um instrumento pelo qual a Justiça impede a presença de grupos diante de propriedades privadas, sob alegação de protegê-las de ataques, vandalismos ou impedimento às atividades. De natureza cível, o intedito tem sido usado em conflitos trabalhistas, como forma de impedir o direito constitucional de greve.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s