Arquivo da tag: dilma

Greve no serviço público federal a partir do dia 18, avisam servidores

Para forçar a abertura de negociações com o governo Dilma, servidores federais filiados à CUT e representados pela Condsef avisam: greve a partir do dia 18.

É o papel da CUT pressionar e cobrar, independentemente do governo.

Comprovamos isso durante os anos Lula (leia mais clicando aqui).

Entenda por que a Condsef organiza a greve para o próximo dia 18 clicando aqui.

2 Comentários

Arquivado em Uncategorized

Dilma introduz mudanças na relação com Congresso e recebe apoio de Lula. Está na hora da reforma política

O Estadão deste sábado traz a informação de que Lula disse ao novo líder do governo na Câmara, Eduardo Braga, que Dilma comprou uma “boa luta” ao iniciar mudanças na relação com Congresso e que ele, Lula, acha que “Dilma está certa”.

Sinalização política importante, apoio significativo.

Lula, que enfrentou uma crise política de grandes dimensões entre 2005 e 2006, lidou com o mais desvairado Congresso que se têm notícia desde o udenismo.

Dilma, atualmente, confunde a cabeça de muitos analistas da imprensa, que agora não sabem se a aplaudem por fazer algo que eles sempre disseram necessário, ou se a classificam como “inábil” ou “avessa à política” para ver se fomentam uma crisezinha de ocasião.

A Dilma merece apoio nessa empreitada.

Mas quero repetir que é necessário fazer a reforma política de verdade, aquela que, em primeiro lugar, acabará com o financiamento privado de campanha e retirará poder dos donos do dinheiro, que atualmente decidem quem vai ou não ser eleito.

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Aumento zero para servidores: sindicatos e confederação prometem endurecer com o governo federal

A presidenta Dilma em pessoa veio a campo para informar que não haverá reajuste salarial para os trabalhadores públicos federais em 2012. A Condsef-CUT, confederação nacional que congrega o funcionalismo, promete endurecer e garante que em janeiro já planejará ações para aumentar a pressão.

Há acordos que foram fechados e outros em fase adiantada que, assim, ficam sob clara ameaça.

Além disso, ao sinalizar com austeridade máxima para essa parcela da população, enquanto outras continuam ganhando os tubos – notadamente os bancos, que dependem e muito do dinheiro público para ficar cada vez mais ricos – a presidenta aponta na direção da lógica que hoje afeta duramente a Europa, a saber, socializar as perdas em nome daqueles que verdadeiramente criaram a crise. São situações diferentes em grau, mas não na essência.

Por fim, se precisamos de um Estado forte e indutos do crescimento, algo que a própria presidente costuma declarar, devemos tratar o funcionalismo de uma outra forma. Precisamos investir nele. Concordo com a necessidade de melhoria da gestão, mas para isso o torniquete não ajuda.

Ainda nesse ponto, devemos lembrar que a presidenta, com essas declarações, ainda que possivelmente sem querer, acaba por dar um salvo-conduto a governadores e prefeitos que resistem a encarar responsabilidades como o Piso Nacional do Magistério.

Leia o texto preparado pela Condsef em que se detalham as razões para não suspender reajustes do funcionalismo no ano que vem clicando aqui.

2 Comentários

Arquivado em Uncategorized

Foto: Dilma encontra Lula em São Paulo

Foto enviada pelo Instituto Lula:

Cheios de estilo

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Jogo duro com ONG’s: Dilma está certa

Antes de mais nada, é preciso deixar claro que, em princípio, nada contra as ONGs. Muitas são sérias e muitas delas trabalham com a CUT em parcerias de pesquisa e difusão de ideias.

Mas ninguém pode ser contra a iniciativa do governo de passar um pente fino nos contratos e nas prestações de contas.

Devemos lembrar que o recurso a ONGs para cobrir lacunas no serviço público é uma herança do governo privatista do FHC, e que muitos de nós dos movimentos sociais sempre tivemos críticas ao uso indiscriminado dessas ONGs para realizar atividades típicas do serviço público.

As entidades que forem sérias vão passar ilesas pelo pente fino.

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

PSDB cobra “taxa de retorno” de 25% sobre operações do Panamericano. Imagina se estivesse no Ministério do Esporte

O Estadão deste domingo relata que os executivos do banco Panamericano, antiga propriedade de Sílvio Santos, lutaram para evitar a derrocada e para isso procuraram políticos proeminentes.

O jornal teve acesso a e-mails da diretoria do banco que contam que o governador alagoano do PSDB, em 2006, fez a mala com o banco fraudulento e em troca cobrou 25% de todas as contas que o mesmo governo ajudou o banco a receber.

Chamada na capa? Destaque no site? Não…

Diga lá, você que acha que é preciso organizar marchas contra a corrupção: a Fifa é impoluta? E o PSDB?

Minha torcida pessoal é para que a presidenta Dilma não arrede pé de um mínimo de altivez em relação à Fifa, uma entidade que está acima do bem e do mal e do direito internacional (desculpem a rima pobre e involuntária) mesmo sem ter úm único representante canonizado pela igreja. E que o ministro Orlando Silva, do PC do B, vença a maré de denúncias que não tem outra motivação além da vontade de emparedar o governo diante da ofensiva evidentemente imperialista.

2 Comentários

Arquivado em Uncategorized

Enem: sucesso da prova deste ano cala os críticos

O Enem foi uma das pautas deste fim de semana. E os jornalões, que tanto fizeram no ano passado para desacreditar o exame, registram neste domingo, de forma um tanto quanto singela e algo envergonhada, que a experiência atingiu a maioridade.

Que não interpretem este post como algo ligado à sucessão municipal em São Paulo. Nada a ver. O que digo aqui é que o projeto de mudanças inciado no governo Lula e que tem em Dilma a esperança de aprofundamento acertou mais uma.

2 Comentários

Arquivado em Uncategorized